Motor: Todos os Tipos Motores(MEC149)

Guia dos Motores: Escolhendo a Força Certa para Cada Aplicação

O motor é uma peça fundamental na engrenagem da tecnologia moderna, impulsionando desde os menores dispositivos eletrônicos até as máquinas industriais mais robustas. Este guia abrangente visa explorar e elucidar os diferentes tipos de motores, desde os tradicionais motores DC com escova até os mais avançados motores sem escovas, proporcionando uma compreensão detalhada de seus princípios de funcionamento, características distintivas e as melhores aplicações para cada tipo.

Motor DC com Escova

– Motores DC com escova, são motores simples usados em dispositivos de baixa potência, como brinquedos, pequenos ventiladores e ferramentas elétricas.

– O estator é composto por ímãs permanentes que criam um campo magnético.

– O rotor possui enrolamentos conectados a uma fonte de tensão por meio de escovas.

– A interação entre o campo magnético das bobinas e o campo dos ímãs permanentes gera o movimento do rotor.

– Utiliza comutadores (escovas) para inverter a corrente, garantindo a continuidade do movimento.

Motor DC

Como funciona:

– Este motor funciona com um estator composto por ímãs permanentes, que geram um campo magnético fixo.

– O rotor possui enrolamentos que são conectados a uma fonte de tensão por meio de escovas.

– Quando uma corrente elétrica é aplicada aos enrolamentos do rotor, um campo magnético é gerado.

– Este campo interage com o campo magnético do estator, causando uma força que faz o rotor girar.

– A inversão da corrente é realizada pelos comutadores (escovas), permitindo que o motor continue girando enquanto estiver sendo alimentado.

Motor dC Aberto

Melhores Aplicações: Brinquedos, pequenos dispositivos eletrônicos, pequenos ventiladores, ferramentas elétricas de baixa potência, aeromodelos e aplicações onde é necessário um motor de tamanho compacto e baixo custo.

Motor de Passo

– Divididos em três tipos principais: Relutância variável, Imã permanente e Híbrido.

– O motor de passo de relutância variável possui um rotor de ferro macio e estator multilaminado, onde as bobinas criam campos que posicionam os dentes do rotor.

– O motor de imã permanente gira com a interação do campo magnético das bobinas energizadas com um conjunto de imãs permanentes.

– Os motores híbridos possuem precisão maior, com passos de 1,8 graus nos tipos comuns.

– Modos de excitação incluem uma fase, duas fases, uma-duas fases e micro-passo para controle do posicionamento do rotor.

Motor de Passo

Como funciona:

– Os motores de passo funcionam convertendo pulsos elétricos em movimentos discretos angulares, conhecidos como “passos”.

– Dependendo do tipo (Relutância Variável, Imã Permanente ou Híbrido), a interação entre os campos magnéticos do estator e do rotor é controlada para gerar o movimento.

– A excitação das bobinas do estator é feita de diferentes maneiras (uma fase, duas fases, uma-duas fases ou micro-passo) para posicionar o rotor de forma precisa em ângulos específicos.

Motor de Passo Funcionamento

Melhores Aplicações: Impressoras 3D, máquinas CNC, robôs industriais, equipamentos médicos, sistemas de posicionamento precisos e aplicações que exigem controle preciso de movimento em passos discretos.

Motores DC sem Escovas (Brushless)

– Pertencentes à família dos motores sincronizados, operam sem escovas, sendo acionados por sinais de controle aplicados aos enrolamentos.

– Não possuem comutação, o que elimina faíscas e permite que o torque seja mantido em todas as faixas de rotação.

– São utilizados em uma ampla gama de aplicações industriais e de consumo, com potências que podem alcançar até 20 kW.

Motor DC sem Escovas (Brushless)

Como funciona:

– Estes motores operam segundo o princípio dos motores DC comuns, mas sem utilizar escovas para comutação.

– São acionados por sinais de controle aplicados aos enrolamentos do estator, que geram um campo magnético rotativo.

– A comutação dos enrolamentos é realizada eletronicamente, o que permite um funcionamento suave e eficiente, mantendo o torque em toda a faixa de rotação.

Motor DC sem Escovas (Brushless)
Representações do Motor Brushless com estator interno e externo!

Melhores Aplicações: Computadores, discos rígidos, drones, ferramentas elétricas de alta potência, veículos elétricos, sistemas de refrigeração, bombas e ventiladores industriais.

Motores Universais

– Similar aos motores DC com escovas, porém, no estator, usam-se enrolamentos em vez de ímãs para criar campos magnéticos.

– Divididos em motores do tipo série (enrolamentos em série) e paralelo (enrolamentos em paralelo).

– Encontram aplicação em eletrodomésticos, ferramentas elétricas e outros dispositivos que operam com corrente alternada.

Motor Universal

Como funciona:

– Funcionam de maneira similar aos motores DC com escovas, mas no lugar de ímãs no estator, utilizam-se enrolamentos para criar campos magnéticos

– A interação entre os campos magnéticos gerados pelos enrolamentos do estator e do rotor produz as forças responsáveis pelo movimento.

Motor Universal Funcionamento
Esquemático de funcionamento de um motor universal

Melhores Aplicações: Eletrodomésticos (máquinas de lavar, liquidificadores, aspiradores de pó), ferramentas elétricas, secadores de cabelo, ventiladores de teto e outras aplicações de uso geral.

Motor de Indução ou de Uma Fase

– Não utiliza escovas e é comumente encontrado em dispositivos como toca-discos, ventiladores e bombas d’água.

– Funciona com um eletroímã em forma de “U” no estator e um rotor em curto-circuito com defasagem indutiva de campo.

– A ausência de escovas contribui para sua simplicidade de funcionamento e sua operação exclusiva com corrente alternada.

Motor de Indução

Como funciona:

– Estes motores não usam escovas e operam exclusivamente com corrente alternada.

– Possuem um estator com um eletroímã em forma de “U” e um rotor em curto-circuito com defasagem indutiva de campo.

– O campo magnético rotativo induzido no rotor gera uma corrente, criando um campo magnético próprio que interage com o campo do estator, resultando no movimento do rotor.

Melhores Aplicações: Ventiladores, bombas d’água, toca-discos, aparelhos de ar-condicionado, sistemas de ventilação, compressores de ar, equipamentos de aquecimento e muitos outros aparelhos eletrodomésticos que funcionam com corrente alternada.

Motor Sincronizado AC de Três Fases:

– Similar aos motores de indução, mas com um rotor formado por imãs permanentes e estator com enrolamentos de fase.

– A excitação é realizada por correntes senoidais, proporcionando um funcionamento mais suave em comparação com os motores que operam com controles do tipo PWM.

Motor Sincronizado AC de Três Fases:

Como funciona:

-Similar aos motores de indução, mas com um rotor formado por imãs permanentes e estator com enrolamentos de fase.

– A excitação dos enrolamentos do estator é realizada de forma sincronizada, criando um campo rotativo que interage com os campos dos imãs permanentes no rotor para gerar o movimento.

Melhores Aplicações: Bombas de alta potência, compressores, equipamentos industriais, motores de alto desempenho para aplicações específicas, máquinas de usinagem e ferramentas industriais.

Motor de Relutância Comutada ou de Relutância Variável

– Possui bobinas tanto no rotor quanto no estator e é indicado para aplicações que demandam torque elevado e alta velocidade, como máquinas de lavar.

– Utiliza a sequência de pulsos de energização das bobinas para criar as forças que fazem o rotor girar.

Motor de relutância comutada

Como funciona:

– Este motor possui bobinas tanto no rotor quanto no estator, criando campos magnéticos a partir de uma corrente contínua.

– A sequência de pulsos de energização das bobinas gera as forças que movimentam o rotor, ideal para aplicações que necessitam de alto torque e alta velocidade.

Melhores Aplicações: Máquinas de lavar, eletrodomésticos de grande porte, compressores de ar industriais, ferramentas elétricas de alta potência e aplicações que requerem alto torque e alta velocidade.

Ao encerrar este guia abrangente sobre os diversos tipos de motores e suas aplicações, fica evidente a vasta gama de tecnologias disponíveis para atender às demandas de uma variedade de setores e necessidades. Cada tipo de motor possui características únicas, vantagens e limitações que os tornam ideais para diferentes contextos de uso.

Desde os motores mais simples, como os motores DC com escova, amplamente utilizados em dispositivos de baixa potência, até os avançados motores sem escovas (brushless), capazes de oferecer alta eficiência e controle preciso de velocidade, cada tecnologia possui seu espaço definido no mercado.

Os motores de passo, com sua capacidade de movimento controlado em passos discretos, encontram aplicação em sistemas de posicionamento preciso, como máquinas CNC e impressoras 3D. Enquanto isso, os motores universais se destacam na versatilidade, sendo empregados em uma série de eletrodomésticos e ferramentas elétricas.

Os motores de indução e os motores sincronizados de três fases mostram-se essenciais para aplicações industriais, proporcionando alta potência e eficiência energética em equipamentos pesados. Por fim, os motores de relutância variável se destacam em aplicações que exigem alto torque e alta velocidade.

Em um mundo onde a eficiência energética, precisão e controle são cada vez mais valorizados, a compreensão das características e aplicações de cada tipo de motor é crucial para a seleção adequada do motor mais adequado a uma determinada aplicação. Este guia visa auxiliar na compreensão dessas tecnologias, fornecendo informações valiosas para tomadas de decisão informadas e eficazes na escolha do motor ideal para diferentes cenários e projetos.

Responsável pelo Conteúdo

WhatsApp
LinkedIn
Facebook
Email

Descubra Mais

Pesquisar:

Posts Recentes:

Categorias:

Reproduzir vídeo
Kit empreendedor para fabricação de cosméticos.
Agitadores de Laboratório

Compartilhar esse conteúdo:

40 MODELOS DE MISTURADORES

agitadores de cosméticos

desenvolvemos 21 modelos de emulsificadores para géis, cremes, bases, loções e soluções cosméticas.